segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Ricky Martin conquista o "monstro de Quinta Vergara"

Olá pessoal!! Confiram como foi a apresentação de Ricky Martin no Festival Viña Del Mar, no Chile, domingo dia 23 de fevereiro.

Ricky Martin conquista o "monstro de Quinta Vergara"

Arrassou!! Gaivota de Prata, Gaivota de Ouro, Tocha de Prata e Tocha de Ouro, a mais alta honraria que o "monstro", como é conhecido pelo público da Quinta Vergara - concede aos artistas que se apresentam no Viña del Mar Festival no Chile.
Um aglomerado no  Anfiteatro Quinta Vergara na cidade chilena de Viña del Mar, delirou por quase duas horas na noite passada com abertura sensual, energética e rítmica da 55 edição do Festival Internacional da Canção de Viña del Mar pela estrela porto-riquenha Ricky Martin.

"Olha o que eu levo para a minha casa!" o cantor falou com o peito estufado,quando as câmeras mostraram os prêmios concedidos pelo público de Viña del Mar. O artista porto-riquenho tinha prometido horas antes do festival, em uma conferência de imprensa, que faria sua apresentação através de sua história musical enquadrado em seus sucessos, e cumpriu.




Um dos momentos mais emocionantes da noite foi quando compatriota musical (e jurado do festival deste ano), Tommy Torres, se juntou a ele no palco para interpretar "Tu Recuerdo". Cercado por um grupo de dançarinos vestidos de branco, Ricky também de branco abriu o show com os acordes eletrizantes de "Come With Me".A música continuou com Ricke lembrando sucessos como "Shake Your Bon- Bon e Déjate llevar".

"Obrigado pela magia, eu estou aqui e em qualquer lugar do mundo: Viña del Mar é um vício, é um público maravilhoso, tudo que eu quero é deixar a minha alma neste cenário ... De Chile mando saudações a todos do Planeta Terra! ", foram suas primeiras palavras no palco.

Então, em um tom mais suave , a estrela então continuou o show com o tema "Vuelve". Neste ponto, o show já tinha tirado o seu casaco branco e só usava uma camisa da mesma cor. Ele imediatamente começou a ouvir acordes de um tango com ele estavam vários pares de bailarinos em movimento ao som do ritmo apaixonado típico da Argentina. Em uma transição não-convencional, a música mudou drasticamente para interpretar "Livin ' La Vida Loca, She Bangs e Loaded."

Martin, em seguida, feiz uma pequena pausa para adrenalina e sentado em uma cadeira, ele apresentou a balada de 'Fuego de noche, nieve de dia". Acompanhado por uma dançarina de flamenco, ele interpretou "Maria". Depois de abordar brevemente o público, que aplaudiu do começo ao fim, apresentou um medley com as músicas "El amor de mi vida, Fuego contra fuego y Te extraño, te olvido, te amo."

Vestido de preto e cercado por três bailarinos com chicotes, foi a vez do tema "Frio". Mais tarde , suportado com um vídeo que foi projetado a partir de um telão gigante, Ricky cantou "Mas". Com outra muda de roupa  desta vez usando uma camiseta, interpretou "Lola , La bomba, Pegate  e La Copa de La Vida", um tema que cantou logo após ganhar a Gaivota de Prata e a Gaivota de Ouro. Para a parte final de sua apresentação no festival, Ricky cantou as baladas "Medio Vivir e Tal vez".

Martin cantou quase todos os seus sucessos, até mesmo os números musicais que marcaram o início de sua carreira solo depois de ter sido apresentado pelos anfitriões do festival Rafael Moras e Carolina Araneda, que se refere ao porto-riquenho como "Rei do Pop Latino ".

Não foi a primeira vez que o pai dos gêmeos Matteo e Valentino Martin  se apresenta para o Monstro da Quinta Vergara. Em 2007, ele apareceu no evento musical e quatorze anos antes, em 1993 , fez parte do júri. Horas antes de subir ao palco Vina, o intérprete tinha reconhecido que o público deste evento o havia preparado para enfrentar os cenários mais difíceis por ser um muito exigente, o que se expressou se muito grato. Ricky chegou ao aeroporto Torquemada no Chile em seu próprio jatinho particular. Ele veio do Uruguai, onde se apresentou hotel Conrad. Atualmente, Martin é jurado no reality show The Voice, na Austrália.

Veja o show:


 Fonte: Primera Hora