quinta-feira, 26 de maio de 2011

"Para mim é um luxo trabalhar com Ricky, é outro nível. É um sonho"

Juntar-se ao grupo de dançarinos da turnê mundial de Música + Alma + Sexo de Ricky Martin é uma bênção dupla para Sherhan Rodriguez, porque quando soube da audiência tinha apenas sete dólares em negativo na sua conta bancária e seu sonho era dançar com alguém do magnitude do astro porto-riquenho.

Ele também é instrutor de hip-hop " eu era muito ruim financeiramente e tinha US $ 7 em negativo  na minha conta bancária e minha opção era, ou ia para a audição ou ficava em casa. E fiquei um pouco frustado com minha apresentação e com a demora deles me chamarem. "

Sherhan Rodriguez, cresceu no bairro Las Leandras em Humacao, e visualizava o mega-astro Ricky Martin como foi Michael Jackson, e admite que a proposta financeira que recebeu para trabalhar na turnê foi "boa e sinto-me rico agora."

Como parte do acordo, recebeu um pacote que inclui passagens e hospedagens durante a turnê.

"Para mim é um luxo trabalhar com Ricky, é outro nível.É um sonho! Então, meus amigos estão morrendo de vontade de dançar com ele ", diz o bailarino de 26 anos de idade.

Diz também que ele esperou duas semanas para a resposta que chegou ao seu e-mail através de uma mensagem de voz do escritório  de Ricky Martin, enquanto estava na sala de sua casa em Miami, onde vive há cinco anos.

"Recebi um e-mail  da RM Entretenimento que dizia" Bem-vindo à família, você é o escolhido. " Levantei-me e ajoelhei-me e comecei a chorar porque não havia ninguém na minha casa. A primeira pessoa que eu chamei foi a minha mãe e fiquei doido gritando que tinha sido escolhido ", diz ele.

Tal como a porto-riquenha e bailarina Tatiana Delgado, Sherhan Rodriguez apareceu no vídeo “Lo mejor de mi vida eres tu” que foi filmado em dezembro do ano passado em Miami.

Após esse tempo, a equipe de produção de Ricky Martin se aproximou dele e disse-lhe sobre os testes em Miami. Sem pensar duas vezes, ele se jogou na aventura e concorreu com outros 1.500  dançarinos que foram para a audição.

"Ricky estava na audiência de Miami, mas quando falei com ele, foi na gravação do vídeo. Ricky Martin, não prejudica os outros artistas, é muito humilde, calmo e se  algo acontece ao lado dele, ele é uma pessoa normal. Fiquei tão impressionado de ver como ele é (o ser humano que ele é) que me modifiquei como pessoa para sempre. Para mim é uma honra e eu comentei isso com ele ", explica que em 2008, ele se destacou como coreógrafo assistente de Anibal Marrero.

Garante que, embora a compensação seja justa, trabalhar com Ricky Martin é muito intenso e muito profissional. 
"As pessoas pensam que quando você dança no palco uma vez,  já se tem prática. E com Ricky não é assim, é muito forte. Com Ricky, se você tiver a mão direita e um dedo para fora, você tem que fazê-lo novamente. A atmosfera é como uma grande família e como estar em casa com eles ", diz o artista.



Fonte: Site Primera Hora
Tradução e edição: Claudia Salgado